PPR – Programa de Proteção Respiratória

De acordo com a Instrução Normativa nº 1 de 11 de abril de 1994 e o Programa de Proteção Respiratória – FUNDACENTRO, cabe a realização de PPR como programa de prevenção diante de atividades laborais com presença de aerodispersoides.

Programa de Proteção Respiratória – PPR consiste na elaboração das diretrizes para o trabalho frente à presença de particulados. Caberá o reconhecimento, quantificação dos agentes, definição de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) indicados para o trabalho seguro e recomendações de práticas aceitáveis para o uso de respiradores, fornecendo informações e orientações sobre o modo apropriado para a seleção, utilização e conservação dos EPIs.

De acordo com as exigências do PPR, a utilização dos equipamentos de proteção respiratória é adequada para garantir um completo resguardo do colaborador contra os riscos existentes nos ambientes de trabalho. Além disso, são realizados treinamentos para garantir o uso correto desses aparatos por parte da equipe.

OBJETIVO

O objetivo das diretrizes do 
PPR é a proteção respiratória do colaborador contra a inalação de contaminantes no ar e a possível deficiência de oxigênio na atmosfera do ambiente de trabalho.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

      •  Respaldo legal para a implantação de um programa de proteção respiratória,  seleção e uso de respiradores;
      •  Administração do Programa de uso de respiradores para proteção  respiratória;
      •  Procedimentos operacionais para o uso no trabalho e em situações de emergência  e de salvamento;
      •  Seleção, limitações e uso de respiradores;
      •  Fatores que afetam a seleção de um respirador;
      •  Ensaio de vedação;
      •  Manutenção, inspeção e guarda;
      •  Monitoramento dos riscos respiratórios;
      •  Sugestões de procedimentos para limpeza e higienização de respiradores;
      •  Critérios para avaliação médica de colaboradores candidatos à utilização de  equipamentos individuais de proteção respiratória;
      • Relatório anual: resultado dos indicadores biológicos utilizados para monitorar o risco a cada 12 meses. Análise das espirometrias e das radiografias de tórax  emissão de CAT;
      • Recomendações.

SOLICITE UMA PROPOSTA COMERCIAL!

Entre em contato conosco e solicite uma proposta comercial. Será um prazer atendê-lo!

Open chat
Olá! Como podemos lhe ajudar?
Powered by