Já falamos aqui no blog da Clinimed sobre a importância da medicina ocupacional para a produtividade da sua empresa. Agora, daremos destaque à uma particularidade específica da Segurança do Trabalho e te explicaremos tudo sobre por que você deveria estar prestando atenção em Ergonomia e como aplicar Ergonomia nas empresas.

Ergonomia nas empresas

Afinal, o que é Ergonomia?

A palavra Ergonomia vem do grego ergon (trabalho) + nomos (leis ou regras). Essa área estuda as relações entre o homem e a máquina, buscando soluções que tragam segurança e conforto nessa interação durante o exercício de funções e assim, reduzindo acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.

A Norma Regulamentadora de Segurança do Trabalho 17 (NR-17) tem como objetivo garantir que as condições de trabalho sejam adaptadas de forma que favoreçam as características psicofisiológicas do colaborador, implementando gradualmente maior satisfação produtividade no ambiente laboral. Cada cargo tem suas especificidades, pois, além das regras básicas impostas pela própria Norma, avaliações ou laudos ergonômicos devem ser realizados quando o trabalhador exerce atividades de risco, como levantamento e transporte de peso, movimentos repetitivos ou posições que exijam uma postura forçada ou exclusiva durante um longo período.

Como a Ergonomia influencia o ambiente de trabalho?

Aplicar as leis ergonômicas resulta em benefícios para os trabalhadores e a para a empresa num todo. É mais do que apenas estar dentro da legislação, é certificar que todos os elementos de sua corporação estão funcionando perfeitamente, sem procedimentos que poderão futuramente causar prejuízos aos mesmos e assim, assegurando que a organização se preocupa com bem-estar dos seus funcionários, que irão contribuir para o crescimento da instituição. Confira abaixo alguns benefícios que a Ergonomia trará para sua empresa:

Satisfação e confiança do trabalhador

Ao enxergar que a corporação se preocupa com sua saúde e segurança, o colaborador valoriza ainda mais o ambiente em que está inserido e o relacionamento empresa-trabalhador se consolida.

Redução do absenteísmo

Na maior parte das vezes, o lugar que ocupa por maior tempo a rotina diária do trabalhador é o local de trabalho. Por isso, a garantia de que estar neste espaço não causará danos físicos ou psicológicos no indivíduo durante todo o seu tempo de permanência irá prevenir doenças ocupacionais e afastamentos.

Produtividade e atenção

Trabalhar em um ambiente que se preocupa com sua saúde gera uma boa disposição no colaborador que resultará em produtividade e maior atenção no desempenho de sua função.

Redução de prejuízos econômicos

Com maior atenção e produtividade por parte dos colaboradores, as matérias-primas e instrumentos são melhor aproveitados, diminuindo a taxa de desperdício. Além disso, a ergonomia proporciona redução de custos com absenteísmo, processos trabalhistas ou impostos sobre a folha de pagamento.

Realização de uma boa gestão

Com a empresa em dia com a lei, trabalhadores sadios, confiantes e produtivos, redução de gastos e uma imagem positiva interna, os gestores sentem e vislumbram um bom trabalho realizado.

Aplicação da Ergonomia no ambiente de trabalho

Agora que você conhece a Ergonomia e seus benefícios, resta saber como aplicá-la em sua empresa. Para que a Ergonomia aconteça no ambiente de trabalho, existem algumas etapas necessárias, como a Elaboração do Programa de Ergonomia, com planejamento, controle e realização da Análise Ergonômica do Trabalho e treinamento de funcionários com cursos InCompany.

ergonomia

 

Open chat
Olá! Como podemos lhe ajudar?